Coluna

|Gestão de Negócios - Recursos Humanos - Eline Nascimento

Coluna

|Gestão de Negócios - Recursos Humanos

Veja por autor

Capacitar e Desenvolver Equipes em Tempos de Crise

A qualificação e capacitação das empresas não podem parar devido à crise, devem-se buscar alternativas para garantir o desenvolvimento profissional dos colaboradores.
whatsapp linkedin
Publicado em Sat Mar 12 12:27:00 CST 2016 - Edição 910
Desenvolver equipes de trabalho não é uma tarefa simples, mas é papel fundamental de todo gestor. Quer seja um coordenador, supervisor, gerente ou diretor, cabe a ele conhecer os profissionais que gerencia, suas competências e seus estilos e trabalhar para criar um time apurado. Em tempos em que as empresas estão mais enxutas e as atividades precisaram ser redistribuídas, o desenvolvimento de equipes de trabalho afinadas é essencial para não perder a capacidade competitiva.
 
Muitas empresas, em épocas de crise, redefinem planejamentos e focam na redução de custos, mas é preciso manter o pensamento a longo prazo e não deixar de cuidar e investir nas pessoas. Nesse cenário de menos recursos para capacitações, preservar programas contínuos de desenvolvimento de equipes pode fazer toda a diferença, especialmente em organizações que buscam inovação para criar novas oportunidades. Além disso, existem formas de se manter a cultura do aprendizado empresarial viva, seja fazendo uma alternância dos empregados em novas funções ou aproveitando um profissional com muita experiência em um setor para treinar e passar essa vivência para os demais.
 
Ter na empresa pessoas qualificadas e alinhadas à cultura organizacional, investir no desenvolvimento das competências necessárias para atingir os objetivos estratégicos e criar canais de comunicação e fácil acessibilidade às informações podem favorecer melhorias em processos e impactar positivamente nos resultados. Todo esse investimento será bastante importante quando o momento de dificuldade na economia chegar ao fim, pois as empresas sairão mais fortalecidas, com o seu quadro de pessoal melhor dimensionado e mais qualificado, frente à nova realidade e às exigências do mercado. Quando as coisas melhorarem, a empresa que tiver a equipe mais bem preparada conseguirá os melhores resultados. 
 
Mas como desenvolver bem equipes de trabalho?
 
•   Já no processo seletivo, estar envolvido na escolha e priorizar profissionais que tenham valores e projetos convergentes ao projeto da organização.
•   Tentar compor equipes com características diversas, seja de formação acadêmica, estilo ou forma de pensar. A diversidade pode favorecer o potencial criativo e a inovação.
•   Conhecer o projeto de carreira dos profissionais subordinados.
•   Orientar os profissionais nas suas tarefas, explicitar os padrões e os resultados desejados. Para isso, conhecer a estratégia da organização é fundamental.
•   Acompanhar sistematicamente o desempenho da equipe, utilizando-se de ferramentas de gestão como reuniões de monitoramento e momentos de feedback individual.
•   Avaliar o desempenho e reconhecer os melhores resultados.
•   Premiar os melhores e corrigir os erros em tempo hábil.
•   Ajudar a analisar, junto com o RH, as necessidades de desenvolvimento para escolher capacitações, treinamentos e ações de desenvolvimento (rodízio de funções, coordenação de projetos, etc.) que favoreçam o     crescimento do profissional.
•   Estimular a autonomia e a corresponsabilidade.
 
Em princípio, pode parecer que essas são ações que tomam muito tempo, mas na verdade esse é um dos principais papéis do gestor. Vemos muitos gestores dizendo: “Estou gastando muito tempo orientando”, “Não tenho tempo para nada. Não consigo nem ler meus e-mails”. Mas o investimento em desenvolver as equipes deve ser encarado exatamente assim — como investimento. Esse tempo “gasto” pode render menos retrabalhos, maior produtividade e, consequentemente, melhores resultados para a área que gerencia. Afinal, todo gestor precisa ser especialista em gente, em dar resultados e em coordenar processos de mudança. E não se faz isso sem cuidar das equipes.
 
 
 

Rede Gestão