Coluna

|Gestão de Negócios - Recursos Humanos - Carlos Alberto Valença

Coluna

|Gestão de Negócios - Recursos Humanos

Veja por autor

A importância da retenção de talentos

whatsapp linkedin
Publicado em Fri Oct 19 16:58:00 CDT 2018 -
Muitas empresas investem grandes volumes de recursos para contratar profissionais, seja contratando consultorias especializadas ou por meios próprios, com muitas horas de buscas, contatos, entrevistas e frustações. Depois de contratados, continuam investindo, desta vez com integração, tempo de adaptação, treinamentos internos e externos contínuos e necessários para o aprimoramento da mão de obra, visando a melhoria da eficiência e dos resultados.
 
Muitas empresas são surpreendidas com pedidos de demissão de alguns de seus colaboradores. “Onde foi que erramos?”, pergunta feita muito frequentemente pela Direção da empresa para a área de Recursos Humanos.
 
Existe um grande número de razões que fazem o profissional pedir para sair da empresa, difícil saber quais as mais relevantes, mas sabemos que o salário não está no topo da lista, talvez esteja no quarto ou quinto lugar, segundo as entrevistas de desligamento, instrumento muito utilizado pelas empresas mais organizadas.
 
Claro que a oportunidade de ganhar mais em outro lugar é um motivo sempre analisado pelos profissionais, mas isto não é, na maioria das vezes, o que faz a decisão ser tomada, a não ser para aqueles com visão do curto prazo e que acham que dinheiro é tudo e não medem outros fatores extremamente relevantes para seu desenvolvimento de carreira.
 
Salários altos, necessariamente, não motivam nem seguram as pessoas nos empregos, senão diretores e presidentes não pediriam demissão. Todavia salários baixos, ou muito inferiores aos praticados pelo mercado, seguramente desmotivam e são causas de pedidos de demissões.
 
Trabalho selecionando profissionais há bastante tempo e nas entrevistas, pergunto os motivos que levaram aquele profissional a pedir demissão. As respostas quase sempre são as mesmas: o difícil relacionamento com a chefia, péssimo clima organizacional, falta de reconhecimento, falta de perspectiva de crescimento profissional, sobrecarga de trabalho e naturalmente a baixa remuneração.
 
Para quase todos os motivos acima, pode-se encontrar solução ou introduzir melhorias que contribuam para a retenção dos talentos. São quase todos comportamentais e podem ser enfrentados com firmeza e determinação por parte da direção da empresa com o auxilio da área de Recursos Humanos, envolvendo todos os níveis hierárquicos.
 
Perder um bom profissional pode ter um impacto muito forte para uma organização, se for para seu concorrente direto, maior ainda. Trabalhar os gestores para melhorar o clima no ambiente de trabalho, rever processos eliminando tarefas desnecessárias e que sobrecarregam a rotina, demonstrar transparência nas regras para crescimento interno, atualizar pesquisa de salários na região e segmento onde a empresa está inserida são algumas práticas que podem reverter o cenário e melhorar a retenção dos talentos nas empresas.

Rede Gestão